Laíse Ribas Bastos

 
Imagem de Lucas Zago
Laíse Ribas Bastos
por Lucas Zago - quarta, 1 Set 2010, 00:24
 
Apresentem aos seus colegas a distância os dados relevantes ao projeto de intervenção pedagógica observados em suas escolas, comunidades e municípios. Esta é uma oportunidade para que se conheçam diferentes realidades sociais educativas e, quiçá, as mesmas realidades sob diferentes olhares.
 
Imagem de
módulo ix (1ª etapa)
por - sexta, 3 Set 2010, 12:32
 

Pessoal,

Aproveitem este espaço para trocar informações, sugestões, comentários e questões acerca do mapeamento que vocês fizeram (a escola, a comunidade, a cidade onde essa escola está inserida, etc). Também podemos usar este espaço para esclarecer mais alguma dúvida sobre o módulo IX.

A proposta deste fórum é ainda tentar observar em que medida as realidades observadas por vocês são parecidas ou completamente diferentes. Como elas se aproximam? Como se distanciam? Em que aspectos?

Um bom começo pode ser postar algumas informações postadas no diário.

Bom trabalho a todos!!
Imagem de
Re: módulo ix (1ª etapa)
por - sábado, 4 Set 2010, 16:47
 

 Comunidade

 

O perfil sócio-econômico do bairro Nova Esperança caracteriza-se por sensíveis desigualdades, com predomínio de pessoas de baixa renda entre seus 4.200 habitantes (FURB/SIGAD/2010). Nossa instituição de ensino atende majoritariamente a porção mais carente do bairro, uma comunidade cuja dinâmica demográfica caracteriza-se por intenso fluxo migratório, tanto de entrada como de saída de pessoas oriundas de diversas partes do estado e do restante do país. Esta condição itinerante de uma parte considerável de seus moradores se reflete negativamente no desenvolvimento educacional das crianças, privadas da continuidade de um processo de ensino-aprendizagem planejado. Vale salientar que os trágicos acontecimentos de novembro de 2008 recrudesceram este quadro. As atividades econômicas resumem-se a poucos e pequenos estabelecimentos comerciais e de serviços. Não há indústrias ou atividade agrícola. Não existem clubes ou entidades desportivas, artísticas ou culturais, exceto pela associação recreativa de um órgão do governo estadual. Não obstante, há várias igrejas. Sinal dos tempos, há uma LAN House. Há um posto de saúde e duas escolas públicas de ensino fundamental, além de dois CEIs que são insuficientes para atender a demanda.

Um abraço,

Lucinéia Pólo Blumenau.

Imagem de
Re: módulo ix (1ª etapa)
por - segunda, 6 Set 2010, 20:53
 

O municipio de Gravatal é relativamente pequeno, com 12 mil habitantes, aproximadamente. A escola a qual trabalho e estou pensando em propor um projeto de Educaçao Integral Integrada está rodeada por tres grandes bairros. E para atender essas crianças e adolescentes imagino duas possibilidades. Uma dentro da escola com a construçao de uma nova escola, pois a atual não dispoe de espaço fisico para atender em tempo integral os alunos. Ou há a possibilidade de pensar em um projeto de transição, talvez mais viavel economicamente e possivel na pratica. Esse projeto poderia estar integrado as outras escolas e oferecer diversas atividades em periodo em que as criancas nao frequentassem a escola (contra-turno), oerecendo atividades em diversas comunidades do municipio de acordo com o interesse de participação da clientela. São pontos que estou refletindo.

Luzia - Polo de Tubarão.

Imagem de
Re: módulo ix (1ª etapa)
por - quinta, 9 Set 2010, 11:48
 
boa idéia luzia!
fico com a segunda opção, só é necessário observar a viabilidade do projeto (em termos práticos mesmo, como seria feito).
lembrem-se que, embora estejamos falando de um projeto, ele precisa ser viável.

lucineia, obrigada pelas contribuições.
você só esqueceu de mencionar que há idéias e resultados positivos também!!!

pessoal, alguma dificuldade mais em relação a esta primeira etapa do modulo IX?
se sim, essa é a hora de tentarmos resolver.

bom trabalho, criatividade, e vamos em frente!


Laíse



Imagem de
Re: módulo ix (1ª etapa)
por - segunda, 13 Set 2010, 21:38
 

A maior dificuldade está em conciliar os agentes responsaveis e de que locais viriam os profissionais. Mas creio que encontrarei uma solucao de viabiliza-lo.